RETIRO Yoga na Natureza

À descoberta do Sabugueiro e da Serra da Estrela

 26 a 28 de agosto de 2016

» Experienciar a prática do Yoga em contacto com a natureza da Serra da Estrela, enraizando os pés na terra e enchendo os pulmões de ar puro.

 

» Ser acolhido/a na aldeia do Sabugueiro, a aldeia mais alta de Portugal, que nos seus 1050 mts de altitude viu nascer um aglomerado de cabanas de pastores que aproveitavam os pastos da região para os seus rebanhos.

 

» Caminhar por trilhos com paisagens amplas e em estado quase selvagem e refrescar-se numa praia fluvial, com tempo para contemplar e sentir. Com momentos de escuta profunda e meditação.

 

» Entrar num espaço-tempo de retiro, com espírito de grupo e partilha. Através da sabedoria de cada um/a e do que estas vivências façam emergir, conversar e refletir sobre a essência do Yoga.

 

Este retiro foi um convite conjunto entre o YOGA de Corpo e Alma e a cooperativa Mó de Vida (www.modevida.com, Nuno Meireles), aliando a prática do Yoga ao Turismo Ético e Solidário.

O programa incluiu prática de Yoga no bosque, banhos e picnic na lagoa do Vale do Rossim, caminhada na Serra e visita guiada ao Sabugueiro.

Aqui ficam algumas impressões deste retiro, com partilha de sensações e sentimentos:

 

Que cores, que energia, que cheiros!
que vastidão, que céu, que águas!
caminhar de pés descalços
deitar sobre uma cama macia de erva
abraçar uma árvore e inspirar-se nas suas raízes
dar as mãos em círculo e sentir comunhão
ver com o coração
com canto e alegria, honrar a natureza e a vida
com silêncio, honrar o desconhecido, o mistério, o transcendente
sorrir, rir, bocejar, deixar os olhos brilhar
deixar a criança interior se expressar
tomar banhos em ribeiras de águas frescas e cristalinas
partilhar o espaço com os seus múltiplos habitantes: cabras, pássaros, e muitos bichinhos
respirar sem esforço, respirar com todo o corpo, suspirar
e entre tudo isto, com tudo isto, deixar o corpo se alongar, soltar, expandir

 

Com esta qualidade, entrega e presença, tudo é Yoga!

Porque não há separação, nem distração, nem resistência.

Porque a totalidade do nosso Ser está presente na totalidade da ação.

A União para que o Yoga aponta, resultante da dissolução da dualidade aparente, acontece!

 

O que fica?
Uma enorme gratidão e alegria. Uma sensação de profundo preenchimento e bênção! A certeza de que toda a energia colocada, mesmo com os desafios da preparação, valeram muito a pena!
A confirmação de que faz parte do meu caminho e do meu serviço contribuir para que encontros como este aconteçam, para o Bem de cada pessoa e o Bem Maior!
Como eu gosto de guiar estas viagens internas!!!

>> Impressões de alguns/algumas participantes:

 

"Este fim-de-semana para mim foi transcendental!"

 

"Um dos aspetos mais positivos foi o que designou o próprio retiro "Yoga na natureza", os locais escolhidos para a prática foram excecionais! Os trails que fizemos e o contacto direto com a Terra, os pés descalços marcaram momentos de enorme humildade, respeito, meditação e liberdade... por instantes senti-me "livre"! Os cânticos de mantras foi algo sublime, também, pela envolvência que proporcionou no espírito do grupo. Por último e, não menos importante, a prática de silêncio foi muito enriquecedora"

 

"Reaprender a respirar e pensar mais no meu EU... Maior consciencialização da beleza da Vida"

Aqui uma seleção de fotografias deste retiro:

Para receber informação por email sobre novas actividades, enviar por favor email para decorpoealma.yoga@hotmail.com

Relaxa sem preguiça

Concentra-te sem tensão

Perceciona sem projetar

Testemunha sem julgar

Desfruta sem ânsia

Reflete sem imaginar

Ama sem condições

Dá sem exigir

Recebe sem possuir

Serve sem interesse

Desafia sem dominar

Medita sem identidade

Corrige sem culpar

Supera sem orgulho

Ri sem cinismo

Chora sem ter pena

Confronta sem ódio

Guia sem superioridade

Sê sem auto-definição

Vive sem arrogância

Entra sem auto-importância

Parte sem arrependimentos

Sê um com Deus


Mooji, Fevereiro 2014
texto original em inglês