Não nos é pedida a Perfeição

Faz hoje 3 meses que regressei e é impressionante e maravilhoso testemunhar o quanto a Índia ainda "trabalha em mim"! Os processos profundos de mudança levam o seu tempo, não se apressam nem se encurtam - há que deixar assentar, clarificar, ajustar, integrar, consolidar no corpo, na mente e nas dimensões mais subtis do Ser.


Na minha meditação-contemplação de hoje, com esta energia especial de reconhecimento e agradecimento do caminho percorrido, do tanto experienciado e do tanto recebido, surgiram-me com clareza as seguintes palavras:

 

Não nos é pedida a Perfeição
Mas sim a entrega a um caminho de contínuo aperfeiçoamento
Não nos é pedida nenhuma guerra
Mas sim uma transformação estabelecida em generosidade, compaixão, amor,
como o suporte e o colo incondicional que damos a uma criança.

 

Lina Afonso | Yoga de Corpo e Alma

abril de 2018

Para receber informação por email sobre novas actividades, enviar por favor email para decorpoealma.yoga@hotmail.com

Relaxa sem preguiça

Concentra-te sem tensão

Perceciona sem projetar

Testemunha sem julgar

Desfruta sem ânsia

Reflete sem imaginar

Ama sem condições

Dá sem exigir

Recebe sem possuir

Serve sem interesse

Desafia sem dominar

Medita sem identidade

Corrige sem culpar

Supera sem orgulho

Ri sem cinismo

Chora sem ter pena

Confronta sem ódio

Guia sem superioridade

Sê sem auto-definição

Vive sem arrogância

Entra sem auto-importância

Parte sem arrependimentos

Sê um com Deus


Mooji, Fevereiro 2014
texto original em inglês